play_arrow

keyboard_arrow_right

skip_previous play_arrow skip_next
00:00 00:00
playlist_play chevron_left
volume_up
chevron_left
  • cover play_arrow

    Brasitalia WebRádio Música, Informação e Entretenimento

Entrevista

George Arrunáteghi. Um cantor talentoso, artista completo e multicultural.

today25 de junho de 2021 130

Background
share close

O cantor brasileiro fala de sua carreira internacional, seus discos, shows e influências italianas e musicais

Em entrevista exclusiva, o cantor George Arrunateghi fala aos ouvintes da rádio Brasitália sobre sua trajetória, a sua vida artística entre Estados Unidos e Brazil, seus shows. sua extensão vocal ‘baritenor’ e de sua afinidade com os idiomas italiano, francês e espanhol.

Ouça entrevista abaixo (após publicidade):

Nascido no Peru, criado no Brasil, em Belo Horizonte, George Arrunáteghi é um artista multicultural ou “cross culture” porque transita por diferentes culturas musicais. De sólida formação musical iniciada ainda na infância com lições de piano e continuada na adolescência com a descoberta do canto. Qualidades que estão em evidência tanto em seu disco de estreia, “Let’s Fall in Love”, lançado em 2015, quanto nas inúmeras apresentações que o artista vem realizando no Brasil e no exterior. Em 2019, George mostrou um lado mais arrojado em termos de arranjos e interpretação ao lançar o segundo álbum “Tropical Romance”, em que a sua fina sintonia com os instrumentistas da Orquestra de São Petersburgo e a excelência na interpretação mostram todo brilhantismo do artista.

George Arrunáteghi/ Foto: Netun Lima
Eu faço um trabalho em que pego vários sucessos internacionais e interpreto em ritmo brasileiro e pego músicas consagradas internacionalmente e interpreto em inglês.

Written by: brasitaliawebradio@gmail.com

Rate it

Previous post

Entrevistas

Fernando Muzzi. Uma história de talento e reconhecimento

Um compositor visceral de carreira premiada de trilhas sonoras para teatro Cantor, compositor e arranjador natural de Belo Horizonte/MG, Fernando Muzzi lançou, em 1993, seu primeiro disco, independente, “Corpos” (direção de Juarez Moreira). Baladas românticas, funks e sambas recheiam seu universo sonoro, cada vez mais enriquecido pela crescente experiência de direção musical, que sempre o coloca em contato com os mais variados repertórios e artistas.Desde 1991 vem se envolvendo com […]

today24 de junho de 2021 223 1

Post comments (0)

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

0%